Consumo de agroquímicos

Da coluna de Affonso Ritter
Jornal do Comércio do Rio Grande do Sul

Apesar do avanço da produção orgânica, a produção agrícola continua usando em grande volume os agroquímicos, qualificados de agrotóxicos. Mas há movimentos para conter excessos e alguns até contra seu uso, como o Comitê Estadual contra o Uso de Agrotóxicos e pela Vida, lançado ontem na Emater em Porto Alegre com a exibição do documentário O Veneno está na Mesa, de Sílvio Tendler. A propósito, o produtor de uvas Rafael Tomasi, de Garibaldi, contou neste sábado a um grupo de jornalistas em Garibaldi que ele se intoxicou aos seis anos, comendo pêssego na volta da escola. Ficou três dias no hospital para se desintoxicar, estudou na cidade e voltou ao campo para se dedicar à produção de uvas, agora orgânicas, para a Cooperativa Vinícola Garibaldi, o que ele faz até hoje.

Original em: http://jcrs.uol.com.br/site/noticia.php?codn=76792

Anúncios
Esse post foi publicado em Agronegócio, Agrotóxicos, Campanha e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s