Divulgue! Câmara homenageia mortos no Massacre de Carajás

Por Mayrá Lima e Josiane Canterle

Da Página do MST

O 17 de Abril é Dia Nacional de Luta pela Reforma Agrária, de acordo com decreto assinado pelo presidente Fernando Henrique Cardoso, em 2002, a partir de proposição da então senadora Marina Silva.

Nesta quinta, às 9h, a Câmara dos Deputados realiza o seminário “Eldorado dos Carajás 15 anos de impunidade”, no auditório Nereu Ramos, em Brasília.

O ato contará com a presença dos ministros Gilberto Carvalho (Secretaria Geral) e Maria do Rosário (Direitos Humanos), além do dirigente nacional do MST, João Paulo Rodrigues.

A atividade, proposta pelo deputado federal, Marcon (PT-RS), é uma forma de reavivar a memória daqueles que perderam a vida lutando pela realização da Reforma Agrária.

O seminário também faz parte da Jornada de Lutas por Reforma Agrária do MST. 

“É para não deixar esquecida esta sangrenta história, para denunciar a impunidade das autoridades que milhares de militantes do MST se colocam em marcha durante o mês de abril, na jornada de lutas, e que nós lutamos aqui no parlamento, para que a Reforma Agrária aconteça”, disse Marcon.
O Massacre

No dia 17 de abril de 1996, 19 Sem Terra do Pará foram assassinados e mais 69 foram mutilados durante uma operação da Polícia Militar, no município de Eldorado dos Carajás, no Pará.

A chacina ocorreu quando 1.500 trabalhadores rurais estavam acampados na região fizeram uma marcha em protesto contra a demora da desapropriação de terras.

Já se passaram 15 anos desse triste episódio sem que ninguém fosse punido. O Massacre de Eldorado dos Carajás mancha a história do Brasil; um retrato infeliz da ação do latifúndio brasileiro contra a Reforma Agrária.

O Seminário Eldorado dos Carajás é um momento de reavivar a memória daqueles que tombaram na luta pela democratização da terra. Um momento de reacender a mística que anima a luta de tantos trabalhadores e trabalhadoras que querem justiça social.

Seminário Eldorado dos Carajás: 15 anos de impunidade

Onde: Auditório Nereu Ramos, Câmara dos Deputados. Brasília, DF.

Horário: 9h

Programação

09h – Abertura:  Presidente da Câmara dos Deputados, Deputado Marco Maia, Deputado Marcon (proponente);

10h-  Eldorado dos Carajás: 15 anos de impunidade -; Ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho; João Pedro Stedile (MST); Senadora Ana Rita

11h – Apresentação do relatório da CPT sobre a Violência no Campo – Dom Tomás Balduíno (CPT); Ministra da Secretaria Especial de Direitos Humanos, Maria do Rosário

12h – Falas de encerramento

Anúncios

Sobre miaraguaia

Mineira crescida em Goias com o sangue paraense. Vivendo (e amando viver) no quadradinho do DF. Quero mais viver o mundo.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s